Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Gato Pardo

Para quem conhece, vocês estão mais que vacinados. Vocês não conhecem isto? São maiores de idade? Trazem o vosso cartão de cidadão, boletim de vacinas e resgisto criminal? Não? Fantástico!!!

Gato Pardo

Para quem conhece, vocês estão mais que vacinados. Vocês não conhecem isto? São maiores de idade? Trazem o vosso cartão de cidadão, boletim de vacinas e resgisto criminal? Não? Fantástico!!!

Publicidade enganosa...

04.06.09publicado por Gato Pardo

É um facto que somos bombardeados diariamente com publicidade duvidosa (e por vezes, até com uns traques silenciosos do gajo que está a tomar café ao nosso lado...)...Já estamos habituados (à publicidade duvidosa, não aos traques, thank god!)...

Mas hoje enquanto tomava o meu café (sem ninguém ao lado, não fosse o diabo tecê-las e sofrer algum atentado biológico de algum intestino mal vedado...) reparei numa coisa hilariante...Aqueles produtos que afirmar ser tão bons, mas tão bons que já 600.000 pessoas experimentaram...Infelizmente, não souberam foi informar se metade delas bateram a caçuleta pelo uso do produto, se os tentáculos que entretanto nasceram no abdómen é apenas um efeito secundário que passa com o tempo ou se o produto é tão bom que é uma espécie de Domestos 3...Dá para desmaquilhante, detergente da loiça e indicado para secura vaginal...

Sério...Porque é que não se limitam a dizer a verdade???Que o produto pode ser realmente extraordinário como não valer uma beata...Que pode realmente ajudar no combate à acne como ao combate das formigas lá de casa...Isso fica ao critério do cliente...

Faz-me urticária quando vejo estas afirmações...É como aquele creme de baba de caracol ou raio que o parta...4 milhões de portugueses aprovam...Claro, pá!!!Mas é os ditos na travessa, com orégãos, não é a ranhoca do bicho no focinho...Também há quem diga que o esperma é óptimo para as rugas de expressão e não é por isso que a Corporacion Dermoestética anda de mãos dadas com a indústria da pornografia (por ora...)...

Lembro-me aqui uns tempos atrás que havia uma publicidade a um produto qualquer que afirmava "300.000 portugueses não podem estar errados"...Claro que não...Tanto que errados e subornados são duas palavras tão distintas...